Arábia Saudita: um país de fé e contradições

autoria P3

// data 11/01/2018 - 11:49

// 9748 leituras

Testemunho Ou Chacado, o projecto distinguido pelo júri do concurso Novo Talento FNAC Fotografia de 2017 com uma menção honrosa, é uma viagem pelos "elementos fundamentais da cultura, história e território" da Arábia Saudita. "[As imagens] não são um julgamento fotográfico", salienta na sinopse do projecto o fotógrafo e arquitecto portuense Adriano Pimenta, "mas sim um testemunho de uma fé que esconde as suas contradições", "os seus erros e suas mudanças".

 

Entre 2013 e 2017, Pimenta viveu em Riad, o principal centro financeiro da Arábia Saudita, onde trabalhou como consultor no projecto de construção da rede de transporte metropolitano da cidade, o que lhe permitiu fotografar ao longo desse período. "Estas imagens simbolizam uma vivência de alguém que aprendeu a observar através da sua máquina fotográfica a singularidade de uma nação, através dos elementos visíveis e invisíveis, que marcam a sua cultura, história e território." O fotógrafo, que trabalhou como arquitecto no gabinete de Souto de Moura durante mais de uma década, mantém uma conta de Instagram onde vai partilhando a sua experiência de vida no Médio Oriente.

 

Luís Preto, com o projecto Maciço Antigo, foi o grande vencedor do prémio, que anualmente distingue novos criadores.

Eu acho que